Planeta Novo Lyrics

Estraca Lyrics

You are viewing Planeta Novo Lyrics - Estraca

Planeta Novo song lyrics are written by Estraca

Complete information about Planeta Novo lyrics

Selected song name: Planeta Novo
Singer Name: Estraca
Lyrics written by: Estraca

You can see all the lyrics of Estraca songs at rare-lyrics.com






Yeah, Estraca


Planeta em estado final, sinal é presencial
Genocídio organizado a nível internacional
Terceira Guerra Mundial, era do medo global
Os media vão comandando, manipulação geral
Comunismo há quem define, políticas mainstream
Olha a Coreia do Norte sentindo a dor do regime
Há quem veja da vitrina ignora a dor do crime
Sai à rua, vem à luta, morte à dinastia Kim
Conflitos sem razão, invasão, religião
Lágrimas, humilhação, direitos onde é que estão?
Meio mundo sem saúde, sem comida e educação
E tu com a peida sentada a a**istir da televisão
Já sinto um futuro duro sentado num quarto escuro
Barreiras eu parto, furo, verdades eu falo, juro
Sozinho mundo inseguro, o medo vem prematuro
Cada pa**o uma fronteira e em cada fronteira, um muro


Eu quero ouvir a voz do povo
Lutar por uma utopia, criar um planeta novo
Minha loucura a**umida nesta Terra falecida
Acabar com a raça humana, criar uma nova vida
Eu quero ouvir a voz do povo
Lutar por uma utopia, criar um planeta novo
Minha loucura a**umida nesta Terra falecida
Acabar com a raça humana, criar uma nova vida


O mundo está em primeiro, mundo global financeiro
Que vive através da guerra e do sangue prisioneiro
É um negócio petroleiro, riqueza, poder, dinheiro
Globalização matou quase um continente inteiro
Queres mais? Eu dou-te mais palavras ilegais
Pensamentos surreais neste mundo de animais
Animais irracionais, seres humanos são os tais
Culpados do fim futuro e dos momentos finais
Tantos problemas humanos, enganos em vários planos
Reclamamos de problemas que nós mesmos impulsionamos
Nós olhamos, ignoramos, no final ainda brindamos
Nossa roupa é fabricada por crianças de nove anos
Barack Obama dois dias depois do Nobel da Paz
Mandou soldados à guerra p'ra matar e abrir gás
Olha o que a guita não faz, o ser humano capaz
Imprensa domina a máfia, tu olha bem onde estás, rapaz


Eu quero ouvir a voz do povo
Lutar por uma utopia, criar um planeta novo
Minha loucura a**umida nesta Terra falecida
Acabar com a raça humana, criar uma nova vida
Eu quero ouvir a voz do povo
Lutar por uma utopia, criar um planeta novo
Minha loucura a**umida nesta Terra falecida
Acabar com a raça humana, criar uma nova vida


São tantos os produtos, a****os querem estatutos
Vida humana é secundária, importante é ver os lucros
Magnatas e corruptos, a escola formando incultos
Vá lá, metam consciência na cabeça desses putos
Mentira é tanta, muita conversa santa
Atentados na Europa, tudo chora e se levanta
Africanos vão morrendo, mas sobre isso ninguém canta
Mas porque é que a pele negra vale menos que a pele branca?
Todo o homem sonha, todo o homem erra
Com lágrimas e mortes mais uma jornada encerra
Lutas por religião, lutas por amor à Terra
Dinheiro gera egoísmo, egoísmo gera guerra
Tanto fascismo, terrorismo, imperialismo
São criações dominadas criadas pro-elitismo
Vem, junta-te ao ativismo, ideia do marxismo
Atenção, bem-vindo ao mundo do killer Capitalismo


Eu quero ouvir a voz do povo
Lutar por uma utopia, criar um planeta novo
Minha loucura a**umida nesta Terra falecida
Acabar com a raça humana, criar uma nova vida
Eu quero ouvir a voz do povo
Lutar por uma utopia, criar um planeta novo
Minha loucura a**umida nesta Terra falecida
Acabar com a raça humana, criar uma nova vida


Atenção, atenção
Atenção, bem-vindo ao mundo do killer Capitalismo